2 e 3/9 Festa de Inauguração do novo espaço VivaRua: Programação intensa e gratuita

2 e 3/9
Inauguração do novo espaço VivaRua

No sábado (2/9) e domingo (3/9), haverá palestras e debates gratuitos com grandes profissionais e artistas (detalhes abaixo), feira de fotografia (saiba mais como comprar um espaço), Livraria Madalena com valores promocionais, Galeria Peach Photo Art com lindas obras à venda, acessórios e mimos para fotógrafos do maior portal de fotografia “Amor pela Fotografia”, impressão fineart com 50% de desconto (só 20,00, 20×30, papel algodão, pigmento mineral) do maior conhecedor desta arte, Silvio Luiz Pinhatti, impressão em azulejos e outros suportes com o ateliê VivaRua, saída fotográfica em parceria com o Fotocultura, fotografia de rua com PaulaLyn Carvalho, idealizadora do projeto VivaRua, troca de fotografias em parceria com o Fotroca, projeção dos participantes dos workshops Narrativas Visuais com Valdemir Cunha em aldeias Guaranis (1º semestre de 2017), projeção do teaser e bate-papo com o diretor Bruno Villela da série documental televisiva “Índio Presente”, intervenções com Tina Gomes, leitura de portfolios enviados por convocatória, e divulgação do(s) selecionado(s) para integrar o grupo de artistas da Galeria Peach Photo Art, projeção da convocatória VivaMob (somente fotografias mobile), música ao vivo, culinária Guarani, foodtrucks, bebidinhas, e muita, mas muita gente do bem. 

 

As vagas para as palestras são ilimitadas, porém, há somente 40 assentos.

 

Feira de fotografia
Para adquirir um espaço (mesa) na feira de fotografia (20 vagas | 200,00, os dois dias), inscreva-se abaixo e siga as instruções. Confira seus dados e não esqueça de colocar nosso endereço de e-mail como confiável, para nossos e-mails não irem para o lixo eletrônico. 

 

Convocatória Peach Photo Art
Para participar da convocatória Peach Photo Art, faça sua inscrição abaixo e siga as instruções. Confira seus dados e não esqueça de colocar nosso endereço de e-mail como confiável, para nossos e-mails não irem para o lixo eletrônico. 

 

Convocatória #VivaMob
#VivaMob #AmorpelaFotografia para projeção no sábado 2/9 e publicação no maior portal de fotografia
Para participar da convocatória #VivaMob #VivaRua #AmorpelaFotografia, poste no Instagram fotos feitas com mobile, de sua autoria (vale somente fotos feitas com celular), com as hashtags #vivamob #vivarua #amorpelafotografia. Fique de olho em nossas redes @vivarua. Se ela for compartilhada, entrará para a projeção. Mas será durante o evento de inauguração que serão reveladas as 20 fotos que ganharão publicação no maior portal de fotografia, Amor pela Fotografia.

 

Sobre o Espaço Leão
O casarão está localizado no Jardim São Bento (Rua Leão XIII, 243), e guarda uma história singular. O espaço, que agora também é VivaRua Cultural, é compartilhado com a Escola de Teatro e Música Terra Palcoa produtora de vídeo e documentário Linha de Montageme com a produtora de teatro e audiovisual Imagem Essencial (Fb).

 

Saiba mais do Espaço Leão aqui
Rua Leão XIII, 243
Jardim São Bento
próximo à Marginal Tietê, Pacaembú, Barra Funda, Brasleme, Santana, Centro

A foto utilizada para ilustrar (PaulaLyn Carvalho) é do espetáculo ‘Con Alma’, com Irene Atienza e Ale Kalaf

2/9 | Sábado | das 9h às 20h

9h

Fotografia Contemplativa com Yuri Bittar | Inscrições no final da página
“A Fotografia Contemplativa é, acima de tudo, ter a percepção aberta, sair do automático, e apreciar o mundo. Esta prática se origina em ensinamentos budistas e de meditação, mas não é uma prática religiosa, apenas uma nova forma de ver o mundo.” Yuri Bittar
Nesta palestra com saída fotográfica, Yuri fará uma explanação do que é a Fotografia Contemplativa e convidará os participantes a caminharem pelo entorno para praticar. 
Os participantes poderão aquirir a impressão de uma das fotos no próprio evento, com 50% de desconto (ou levar uma foto já impressa no formato 20 x 30) para participar da troca de fotografias que acontecerá no final da tarde em parceria com o Fotroca.
Sobre Yuri Bittar
Fotógrafo desde 1997, designer e historiador, Mestre em Ensino de Ciências, criador do inFoco, Instituto de Fotografia Contemplativa.  Leciona fotografia desde 2008, e atuante também como fotógrafo de rua e pesquisador (desenvolvendo doutorado) em Fotografia Contemplativa Aplicada à Saúde e Qualidade de Vida. Começou sua formação em Fotografia Contemplativa ao participar de uma Oficina com Andy Karr, em 2012. É Instrutor de Mindfulness certificado pelo Mente Aberta – Centro Brasileiro de Mindfulness e Promoção da Saúde e já ofereceu dezenas de oficinas e palestras sobre o tema.

 

9h40

Saída fotográfica | Fotocultura (Yuri Bittar) [+] VivaRua | Inscrições no final da página

 

10h

Fotografia&Poesia – Liz Dorea | Inscrições no final da página
Esta palestra propõe pensar a dimensão lírica da imagem e suas múltiplas possibilidades sensoriais e discursivas, articulando, para isso, fotografias clássicas e contemporâneas, textos de gêneros variados, além de obras audiovisuais. Propõe lançar uma reflexão a cerca do potencial poético que a imagem detém, relevando sua trajetória desde a era analógica até o atual estágio dos meios técnicos.
Sobre Liz Dórea
Fotógrafa documental, cronista e graduanda em jornalismo pela USP. Baiana radicada em São Paulo, produz narrativas independentes sobre sua vida em trânsito: o desterro, a rua, as pessoas, os interiores e as capitais. Dentre outras andanças, fez acervo no sertão da Bahia, nos cortejos de Iemanjá, na Lavagem do Bonfim e nas marchas dos estudantes secundaristas de São Paulo. Publica fotografias e textos em suas próprias mídias sociais.

 

11h

Fotografia 360, com Fabio Souza | Inscrições no final da página
Fabio irá apresentar as possibilidades da Fotografia 360 hoje, com as novas tecnologias, o mercado profissional, desenvolvimento e possibilidades de formação.
Sobre Fabio Souza
Fotógrafo especialista em fotos 360° (certificado pela Google), professor e desenvolvedor web.
Fabio se interessou pelo tema e desenvolveu trabalhos para grandes clientes e um método de ensino muito antes desta tecnologia ser procurada e utilizada no Brasil. 

 

12h

Exibição do teaser da série documental televisiva “Índio Presente” e bate-papo com o co-produtor e diretor Bruno Villela
No Brasil muitas pessoas ainda veem os índios no passado ou sem perspectiva de futuro. E você? Vê os índios no presente? 
A série ‘Índio Presente’ visitou mais de 15 povos para desconstruir os principais estereótipos recorrentes sobre os índios.
Produzida em 2016, a série está na reta final da pós-produção. Com Ailton Krenak, Almir Suruí, Alvaro Tukano, Anapuaka Tupinambá, Damiana Cavanha, Daniel Munduruku, Davi Kopenawa, Denilson Baniwa, Dora Pankararu, Gersen Baniwa, Kamikia Kisedje, João Paulo Tukano, Sonia Guajajara.
Produção: Amazon Picture
Coprodução: Cambará Filmes
Realizada por meio da Chamada Pública Prodav 08/2014

Sobre Bruno Villela
Proprietário da Cambará Filmes. Mestre em Ciências da Integração da América Latina (Comunicação e Cultura) pelo PROLAM-USP (Programa de Pós-Graduação Interunidades em Integração da América Latina). Possui Bacharelado em Filosofia pela Universidade de São Paulo (2006), e Licenciatura (2008). Atua como pesquisador na área de teoria e história do documentário (sobretudo nas relações entre emancipação, autoria e representação no cinema latino-americano) e como documentarista de TV. Foi roteirista e diretor do programa Nova Amazônia na TV Cultura-Amazonas/TV Brasil entre 2013 e 2016 e atualmente dirige a série de TV documental Índio Presente, sobre os maiores estereótipos reproduzidos sobre as sociedades indígenas no Brasil. É professor do curso de Tecnologia em Produção Audiovisual da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) nas áreas de História do Cinema e Roteiro Audiovisual.

 
13h

Vídeo com mobile e outras ferramentas, com Pedro Duarte | Inscrições no final da página
A partir do uso de aparelhos celulares, Pedro mostrará como é possível realizar vídeos para vários segmentos, desde auto gravações, videoaula pela internet, clip de espetáculos, comerciais para redes sociais, vídeos corporativos etc., com ajuda de acessórios (tripés, microfones, iluminação) e ferramentas web (softwares de edição). Falará também da importância da trilha musical e da locução, e como é possível produzir vídeos de boa qualidade a custos baixos. 
Sobre Pedro Duarte
Fundador da produtora Linha de Montagem, desenvolve vídeos e documentários em parceria com a Imagem Essencial Produções Culturais, desde 2000. Fotógrafo pelo Instituto de Fotografia de Córdoba (ARG.) – IPFC, estudou cinema com nomes como Pedro P. Lazzarini, Hugo Konvensky (fotografia no cinema) , Mauricio Berú (clássico) e Suely Rolnik (cinema e desejo). Como fotógrafo, passou pelo Diário Popular, Folha de São Paulo, Revista Já e outros veículos. Com produção e direção na Argentina, trabalhou no programa infantil da TV La Rioja, “Pedaleando com Piñón Fijo”(Prêmio melhor Programa Infantil), e no Brasil, no Programa “A Moviola” (TV a cabo – Canal 14). No curta-metragem “Tempos Modernos em São Paulo” (1999), selecionado para o Festival 5 minutos da Bahia, fez roteiro e direção. Documentários: Edição em “Fazedor de Montanhas”, 2009, Prêmio do Juri CINESTRAT, Espanha;  Mostra de cinema de São Paulo; GLOBIAN DOC, Berlin, Alemanha), “Músicos do Futuro” (roteiro/edição – 2009), “Aids 30 anos” (edição – 2010), “Flores Vermelhas” (direção – 2013 ), “As Respostas das ONGs do Mundo” (roteiro e direção – 2014).  “O Espírito de Francisco” (roteiro e edição- 2017), participando de festivais em 2017.

 

14h

Debate Fotojornalismo. Mediação de André Douek, participação de Carlos Pupo, Eliária Andrade, Ale Frata e Zé Carlos Barreta  | Inscrições no final da página
Quais são as perspectivas do fotojornalismo após o fenômeno da convergência digital e como sua dinâmica foi alterada no processo de produção?
Nos últimos 20 anos o mercado editorial brasileiro experimentou diversas alterações, assim como o fluxo de informações das redações (hoje praticamente todas multimídia). As atuais práticas do Jornalismo, com a exigência da informação em tempo real nos meios digitais, alteraram significativamente a forma como a fotografia como meio de informação é produzida, editada e transmitida aos veículos de comunicação.
A circulação das imagens agora é praticamente instantânea e afeta diretamente a prática profissional, com acúmulo de tarefas, a redução dos custos e das equipes das redações e dos processos envolvidos em sua produção. Haveriam perdas e ganhos neste processo de mudança?
Sobre André Douek
Nascido no Cairo (Egito), em 1954, veio para o Brasil ainda criança. Trabalhou como fotojornalista no Jornal O Estado de S. Paulo (1985-1990), deu aula de fotografia em diversas instituições de ensino superior e foi chefe de seção técnica na Secretaria Municipal de Cultura (2006-2015). Desde 1996, organiza saídas fotográficas para documentar locais e eventos interessantes da cidade de São Paulo.
Sobre Ale Frata
Formado em Comunicação Social, atua profissionalmente com fotografia desde 2010. Trabalha atualmente como repórter fotográfico freelancer. Também é parceiro da agência Código 19, de Campinas (SP), e editor e fotógrafo do portal Marofa Music, focado em cultura geral. Cobriu importantes shows como The Rolling Stones, Paul McCartney, David Gilmour, Andrea Bocelli e os festivais Lollapalooza, Maximus e Monsters of Rock, com trabalhos publicados nos mais importantes veículos de comunicação do país. Participou do livro “O melhor do Fotojornalismo Brasileiro” nas edições 2016 e 2017, das exposições “Retratos no Fotojornalismo” de 2015, e das Fotoretrospectivas Arfoc-SP de 2014 e 2017.
Sobre Carlos Pupo
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Começou na Agência Estado em 1998, em 2000 tornou-se colaborador da empresa, e em 2001, redator No mesmo ano, integrou a equipe de fotografia. Atuou editando as fotos e traduzindo as legendas do material enviado por agências internacionais, entre elas AP, EFE, AFP e do jornal New York Times.
Em 2015, passou a integrar a equipe da agência Frame Photo como editor de conteúdo. Lecionou Fotojornalismo para alunos da escola de fotografia TechImage. Desde 2016, integra a Photo Media como sócio e colaborador, prestando serviços fotográficos para diversos ramos, entre eles, corporativo e estúdio. Atualmente, além da Photo Media, colabora com textos jornalísticos para as publicações da Editora Gabel.
Sobre Eliária Andrade
Repórter fotográfica há mais de 25 anos, com passagens pelos jornais Diário Popular, Diário de São Paulo e jornal O Globo de 1989 há 2014, atualmente freelancer. Jornalista formada pela Fundação Cásper Líbero e pós graduada em Globalização e Cultura pela Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo. Participou do projeto “As Donas da Bola”, que gerou um livro e uma exposição de dois meses no Centro Cultural de São Paulo, e hoje faz parte do acervo digital do Museu do Futebol.
Participou do projeto “Se me vejo, me veem”, sobre a violência contra a mulher, com exposição em Paraty (Nov/2015 a Jan/2016). Participou da exposição “Retratos no Fotojornalismo” e de diversas Fotoretrospectivas da Arfoc- SP. Atualmente, direciona seus trabalhos autorias para o gênero feminino.
Sobre José Carlos Barreta
Fotógrafo desde 2008. Mora em São Paulo e começou a fotografar para o antigo jornal Diário do Comércio pela Agência Hype. Fotografa para a Folha de São Paulo desde 2011. Hoje, além da Folha, fotografa também para o Sesc e para clientes corporativos. Paralelamente, investe em trabalhos pessoais. Graduando em Geografia.

 

15h

Fotografia de Rua (e Urbana), com PaulaLyn Carvalho | Inscrições no final da página
Nesta palestra, você vai conhecer alguns fotógrafos que são referências neste tipo de fotografia, e um panorama da produção contemporânea. Também serão passadas algumas dicas que ajudam muito a desenvolver um olhar crítico sobre a cidade, as influências culturais, o cotidiano, a sociedade e suas questões sociais e políticas.
Sobre PaulaLyn Carvalho
Diretora de Arte há mais de 20 anos, fotógrafa e agitadora cultural há mais de 10 anos. Lecionou por mais de 10 anos em instituições como Senac – Comunicação e Artes, Eng DTP&Multimedia, WOC (Certificada pela Adobe) etc. Palestrante na Adobe por alguns anos e palestrante na Digital Design World por 2 anos. Graduada em Design Gráfico, Pós-graduada em Arte Integrativa, extensão em Antropologia Visual (PUC), e um MBA em Marketing (FGV), incompleto. Idealizadora dos projetos SP Pixel a Pixel, Fotambulantes (Mostra SP de Fotografia), VivaRua Cultural, entre outros. Mais de 500 fotos publicadas em diversos livros e veículos. Já participou de mais de 10 exposições coletivas, sendo 2 no exterior, 3 individuais, e foi curadora de outras exposições. Teve um trabalho projetado no Paraty em Foco de 2009 e selecionada por convocatória em 2015. Premiada no concurso da Secretaria do Meio Ambiente e Senac, “Árvores de São Paulo”, em 2007. Outros trabalhos: Ensaio realizado para o Catraca Livre sobre ‘Afeto e Diversidade no Carnaval de Rua’, em 2016; Ensaio ‘Indício de Não-Memória’, que foi capa de livro do Ateliê Fotô/ Eder Chiodetto, foi selecionado por convocatória no Paraty em Foco 2015, e também participou de uma Exposição Coletiva (Senac), em 2015; Fotos da diversidade da Mata Atlântica, selecionadas do seu acervo, ilustraram o Calendário 2008 da empresa Ypê. 

 

16h

Fotografia Sensual (Boudoir), com Glauber Silva | Inscrições no final da página
Nesta palestra, você vai entender o que é a Fotografia Sensual (Boudoir) e suas vertentes. Glauber também falará sobre itens essenciais para que o ensaio flua de maneira descontraída e natural, como, por exemplo, deve ser a abordagem e a conduta do fotógrafo. Temas que também serão abordados: a escolha do ambiente, locações, luzes, figurinos etc., e ainda super dicas que colaboram para um ensaio bem sucedido, o que as mulheres e os homens esperam desse tipo de ensaio e quem é o público alvo.
Sobre Glauber Silva
Formou-se pela escola Escola Fuji de fotografia e participou de congressos com grandes nomes da fotografia, aprimorando seus conhecimentos na área. Já desenvolveu vários trabalhos nas vertentes fotográficas e hoje realiza trabalhos voltados para a área de moda, casamento e Boudoir. É colunista no site iphotochannel, onde dá dicas de fotografia sensual (Boudoir) e membro do AIBP (Associação Internacional de fotografia Boudoir), com sede em USA, onde foi premiado com uma das suas imagens em fevereiro de 2017.

 

17h

Longa exposição: luzes artificiais, light painting e outras técnicas, com Andrea Monacci  | Inscrições no final da página
Andréa Monacci abordará o light painting e falará sobre a técnica fotográfica utilizada na captação de imagens em ambientes de pouco ou nenhuma luz. Discursará sobre as diferentes fontes de luz que podem ser usadas para a obtenção de imagens únicas. 
Sobre Andrea Monacci
Começou a se interessar por fotografia quando ainda era dentista e tinha a necessidade em registrar seus casos clínicos. Com o passar dos anos sentiu a necessidade em estudar a fundo a fotografia e as minucias envolvidas nesta arte.

 

18h

Troca de Fotografias, com Fotroca
Para participar do Fotroca, imprima sua foto aqui no evento (Lab do fera, profundo conhecedor e que há anos produz material para grande fotógrafos e artistas, Silvio Luiz Pinhatti), no formato 20×30, em papel de algodão, pigmento mineral, a um valor muito promocional de 20,00. Se preferir, traga sua foto já impressa neste formato.
Sobre o Fotroca
Fundado por Ricardo Biserra, tem como objetivo promover encontros entre fotógrafos e amantes da fotografia para trocas de fotos e de conhecimento no mundo das imagens fotográficas.

 

 

 

3/9 | Domingo | das 9h às 18h

 

9h

Vivências Documentais, com Lucille Kanzawa | Inscrições no final da página
As histórias de Lucille Kanzawa sobre suas andanças são cheias de aventura e nos conduz para um além-imagens. Com uma sensibilidade incrível, Lucille construiu (e constroi) um acervo documental antropológico e etnográfico nos quatro cantos do mundo, com ensaios autorais recheados de cor, luz e histórias. 
Sobre Lucille Kanzawa
Tradutora-intérprete de formação, tem um trabalho antropológico ímpar. Morou nos Estados Unidos, Alemanha, França e Israel, e visitou cerca de 60 países. Publicou matérias sobre lugares exóticos nas revistas Terra, Vida Simples, Horizonte Geográfico e Viagem e Turismo. Em maio de 2010, publicou o livro YUBA pela editora Terra Virgem. Ganhou diversos prêmios e menções honrosas. Realizou mais de 10 exposições individuais e participou de mais de 30 exposições coletivas.


10h30

Galeria e Mercado, com Juliana Matuoka  | Inscrições no final da página
Nesta palestra, a Juliana apontará alguns caminhos prováveis para os fotógrafos que desejam vender suas fotografias em uma galeria. Como preparar um portfolio? O que apresentar? O que é contrato de exclusividade? Por que oferecer fotografias com impressões limitadas? etc. Juliana também irá revelar os ensaios contemplados na Convocatória Peach Photo Art [+] VivaRua.
Sobre Juliana Matuoka
Formada em Ciências Políticas com especialização em Relações Internacionais e História da Arte na Universidade da Califórnia, EUA. Nasceu no Rio de Janeiro e morou em São Paulo, Chile, EUA e França. Foi galerista da galeria de arte francesa Carré d’artistes, com 500 artistas dos 5 continentes, e, além de curadora, treinava a equipe em técnicas de vendas de obras de arte, fazia o marketing e a comunicação, press releases, entrevistas, gestão das mídias sociais da galeria, montava as obras de arte, organizava os eventos dentro e fora da galeria (vernissages, exposições, palestras, ateliês de arte para crianças e adolescentes). Entre as exposições em destaque: Exposição e leilão de arte na Residência Consular Francesa para o Evento Gol de Letra da ONG do jogador de futebol, Raí;  Exposição e Palestra sobre Arte Contemporânea Espanhola no Instituo Cervantes para a Semana Espanhola. Foi diretora de arte para a Semana Francesa da Câmara de Comércio França- Brasil. Em 2015, inaugurou sua galeria de arte virtual, com vendas online e exposições físicas. Atualmente, é gerente e curadora das galerias Peach Photo Art. Para a Peach, também promove eventos, como Live Paintings e Vernissages. Mãe de duas adolescentes, dança flamenco e jazz contemporâneo, fala 4 idiomas, adora viajar, ler, ouvir música, ir ao teatro, cinema e bater perna em museus e galerias pelo mundo.

 

12h

Narrativas para um fotolivro de autor, com Andressa Cerqueira (Editora e Livraria Madalena)  | Inscrições no final da página
A conversa apresentará como são desenvolvidas as narrativas através de fotolivros, apresentando referências de trabalhos do contexto contemporâneo e introduzindo ao público este mercado editorial.
Sobre Andressa Cerqueira
Escritora e fotógrafa, nascida em São Paulo. Formou-se em 2013 pelo Bacharelado em Fotografia do Senac-SP. Em 2014, participou da residência LabMIS de fotografia do Museu da Imagem e do Som (SP), onde desenvolveu dois de seus três heterônimos: Ella A. e Sam Terri, que trabalham simultaneamente fotografia e contos de ficção. Também em 2014, lançou “Matrioska”, um livro de contos e fotografias de autoria do heterônimo Ella A. Em 2015 desenvolveu o heterônimo Olga Gaia, que trabalha com fotografias apropriadas. Em 2017, publicou o fotolivro “Intimidade Miojo”, de autoria do heterônimo Sam Terri. Todos os heterônimos escrevem para o blog “Histórias nem tão reais”. Desde 2014, trabalha para a Editora e Livraria Madalena, sendo responsável pela seleção de títulos da Livraria, e acompanhamento dos projetos da Editora.

 

13h

Marketing Digital e Fotografia, com um dos fundadores do maior portal de fotografia ‘Amor pela Fotografia’, Arthur Manson | Inscrições no final da página
Nesta palestra, Arthur irá contar, a partir do sucesso do portal “Amor pela Fotografia”, de que maneira podemos usar as mídias sociais, marketing de conteúdo e outras ferramentas para gerir e prosperar um negócio.
Sobre Arthur Manson
Fundador do maior portal de fotografia do Brasil: Amor Pela Fotografia, Arthur também é fotógrafo, professor e agenciador de modelosGraduado em Fotografia pela Universidade Tuiuti do Paraná (2013), Especialista em Fotografia – Processos de Produção de Imagens, pela Universidade Tuiuti do Paraná (2015), e graduando em Gestão de Marketing Digital (Faculdade Dom Bosco). Integra o corpo docente do curso de Fotografia da rede de escolas YESBRAS e coordena o Miss Mundo Navegantes/Penha/Luiz Alves – SC. Arthur também é colunista social do Jornal de Navegantes, sua cidade natal, onde também está localizado seu estúdio Arthur Manson Photo Studio.

 

14h

Trabalho Autoral e Mercado de Trabalho, com Rita Barreto  | Inscrições no final da página
Além da fotografia autoral com a etnia Kuikuro, do Alto Xingú, Rita mostrará as ferramentas que utiliza para apresentar seu trabalho para posterior vendas no mercado editorial. 
Sobre Rita Barreto
Fotógrafa paulista, vem se dedicando a imagens de conteúdo editorial e autoral desde 2004 com a etnia Kuikuro, do Alto Xingú, no Mato Grosso. Fez trabalho fotográfico voluntário na ONG “Um teto para meu pais”, em 2009. Recebeu diversos prêmios, com destaque para o 1º Lugar | Categoria Cor, no 10º Concurso Leica/Fotografe Melhor 2013, e o  1º Lugar | categoria Preto e Branco, no VII Salão Nacional de Fotografia de Araraquara – 2015. Participou de 14 exposições coletivas e 3 individuais, sendo uma em EVA Stuttgart/Alemanha, em 2008. Tem trabalhos publicados em mais de 15 veículos, com destaque para a Revista Viagem e Turismo, Maio/2012 e a Revista TRIP, Fevereiro/2013.

 

15h

Fotoclubes, porque é importante fazer parte, com Celso Vick | Inscrições no final da página
Os fotoclubes resistem por décadas. Mas, quais as vantagens de fazer parte de um fotoclube, como funcionam? Nesta palestra, descubra tudo que você sempre quis saber sobre os fotoclubes e a Confederação Brasileira de Fotografia.
Sobre Celso Vick
Fotógrafo de casamentos e eventos sociais, atua neste mercado desde 1990, quando começou a fazer os primeiros trabalhos profissionais. Apaixonado por sua arte, integrou-se 1.997 ao Foto Cine Clube Bandeirante, onde hoje é diretor.
No começo de 1998, foi convidado a fazer parte de uma equipe que só fotografava festas de artistas. Suas imagens foram publicadas nas revistas Caras, Contigo, no site O Fuxico, Babado e em outras mídias. Em 2001, começou a ministrar cursos e palestras de fotografia. O currículo de Celso Vick inclui participação com suas imagens e premiação em diversos concursos fotográficos. Entre os que tiveram maior repercussão, destacam-se: XXI Bienal de Ribeirão Preto-SP; XV Salão Jauense de Arte Fotográfica, Foto Cine Clube Bandeirante, III Salão Nacional de Fotografia de Sorocaba, XIII Bienal de Arte Fotográfica Cor, no Centro Cultural Vergueiro-SP e no clube Hebraica em São Paulo, XVII Bienal Cor em Londrina/Pr.
Celso também é Conselheiro da Confederação Brasileira de Fotografia e Presidente do Foto Clube ABCclick.

 

Na melhor luz, Intervenções e retratos, com Tina Gomes | Inscrições no final da página
Sem mais, nem menos, como em um flashmob, Tina fará uma produção com algum voluntário e convidará a todos os presentes a fazer retratos a partir do seu olhar e das suas construções com luz natural. 
Sobre Tina Gomes
Autodidata, teve seu primeiro contato com a fotografia profissional em uma palestra. Ganhou sua primeira câmera e deu início à produção criativa, cujos protagonistas eram seus filhos. Ao começar também a usar computadores e redes sociais, confiou em tutoriais para aprender técnicas e um pouco de teoria. Tina Gomes tentou o ensino formal da fotografia ao ganhar uma bolsa de estudo, mas neste período perdeu a filha no parto. Sem teoria, mas com um turbilhão de sentimentos e criatividade, com figurinos emprestados e usando principalmente a filha Sophia, de 12 anos, como modelo, captura fragmentos de universo à parte. E deixa claro: “Não faço fotos para os outros se sentirem felizes, muito menos para agradar a alguém, muito pelo contrário, faço estas imagens para me libertar de cada dor, cada sofrimento, cada noite de fome… Me liberto a cada dia e a cada retrato.“

 

16h

Criatividade e Fotografia, com Claudia Furlani  | Inscrições no final da página
Claudia irá falar de como é possível desenvolver o processo criativo individual a partir das características já presentes no trabalho autoral e como aperfeiçoar o olhar e introduzir outras técnicas para exercitar a criatividade. 
Sobre Claudia Furlani
Artista plástica e fotógrafa. Cria imagens urbanas dinâmicas misturando diferentes meios tais como a fotografia, trabalho digital, pintura e colagem. Suas paisagens, personagens e ritmos urbanos, resultam em cenas que parecem encapsular um filme feito para  provocar o expectador a descobrir um mundo lúdico que só existe na sua imaginação. 
Graduada em Artes Plásticas (USJT), em Design (FAAP) e pós-graduada em Arte Terapia. Em 1999, ministra aulas na Escola de Artes da  Associação Paulista de Medicina. Seus trabalhos são representados por galerias de arte na Itália, Nova Iorque e São Paulo e podem ser encontrados em coleções particulares na Alemanha,  Itália, Holanda, Portugal, Canadá, Estados Unidos, México, Brasil e Argentina.

 

17h

Fotografia expandida: narrativas a partir do imaginário, com Davilym Dourado  | Inscrições no final da página
Nesse encontro será apresentado questões relacionadas ao conceito de Fotografia Expandida numa perspectiva documental, será apresentado algumas referencias de fotógrafos que elaboram narrativas a partir do imaginário e a partir do real.
Sobre Davilym Dourado

Iniciou seus estudos de fotografia em 1999 na escola I.C.P (International Center of Photography) em Nova Iorque, além de atuar como fotógrafo comercial, desenvolve projetos de fotografia autoral, transitando entre a fotografia  documental contemporânea e a fotografia experimental. É bacharel em Ciências Sociais pela Escola de Sociologia e Política de São Paulo, com estudos em Antropologia Visual pela PUCSP,  participou de exposições individuais e coletivas, e em 2017 lançou  o livro Chuva Fora de Lugar, resultado do Prêmio Funarte Marc Ferrez de Fotografia e foi finalista pela segunda vez do Prêmio Conrado Wessel de Fotografia.

 

18h

Impressão Fineart, com Fabio Nogueira (Printer do Lab Silvio Luiz Pinhatti)  | Inscrições no final da página
Neste encontro, Fabio irá falar dos tipos de impressão digital fineart, como papeis, tintas, acabamentos, e como e quando escolher um ou outro de acordo com a necessidade.
Sobre Fabio Nogueira

Iniciou sua carreira em 1998 fotografando casamentos e festas em geral. Em 2002, foi assistente de fotografia de vários fotógrafos de São Paulo. Em 2007, contratado como assistente dos fotógrafos Ana Lúcia Mariz, Daniel Renault e Marcelo Lerner. Em 2008, participou da exposição coletiva “Amigos do Giclê “. Em 2009, trabalhou como fotógrafo e printer na casa de impressão Giclê Print Fine Art. Em 2012, montou seu próprio estúdio, onde desenvolve fotos para Publicidade, Moda, Still, Casamentos e eventos em geral. Atualmente, é Printer do Lab Silvio Luiz Pinhatti e instrutor de impressão Fine Art e Fotografia. 

 

Inscrições aqui

 

Convocatória Peach Photo Art

Obrigada pelo seu interesse em participar da Convocatória Peach Photo Art [+] VivaRua.

Para concluir sua participação na convocatória, faça sua inscrição abaixo e depois enviei no e-mail pauta@vivarua.com.br um link para o álbum no flickr ou em um serviço de nuvem (dropbox, onedrive, icloud ou outro) somente com o conjunto de 6 a 10 fotografias (individuais ou ensaio) de sua autoria e um arquivo de texto (word ou PDF) com uma pequena biografia. No dia 3/9, às 10h30, durante a palestra, Juliana Matuoka (curadora da Peach) irá comentar alguns materiais recebidos e anunciar o(s) selecionado(s) que irá compor o grupo de artistas da galeria.

Inscreva-se aqui e boa sorte!


Feira de Fotografia

Obrigada pelo seu interesse em participar da feira de fotografia.

Para concluir a aquisição do espaço, é necessário fazer o depósito de 200,00 (duzentos reais), referente à participação no sábado, 2/9, das 9h às 22h, e no domingo, 3/9, das 9h às 19h. Você receberá uma mesa de mais ou menos 100cm x 80cm, e poderá dividir com mais um artista/fotógrafo. Cada participante é responsável pela decoração e arrumação da sua mesa (toalhas, caixas etc.) e a venda dos seus produtos/ fotografias.

O depósito deverá ser feito na conta abaixo e o espaço estará reservado somente após o envio do comprovante no e-mail vivarua@vivarua.com.br , com seu nome completo (e o nome artístico, se houver, para constar na divulgação) e o e-mail inscrito no cadastro para localizarmos.

Itaú  |  Ag 2944 CC 05006-7   |  Ana Paula de Carvalho

Inscreva-se aqui


2/9 Sábado | Palestras/ Debates

Obrigada por seu interesse em participar das palestras do sábado. Não esqueça de olhar mais abaixo as palestras do domingo! Esperamos você!

Inscreva-se aqui


Selecione as atividades que deseja participar

3/9 Domingo | Palestras/ Debates

Obrigada por seu interesse em participar das palestras do domingo. Não esqueça de olhar mais acima as palestras do sábado! Esperamos você!

Inscreva-se aqui


Selecione as atividades gratuitas que deseja participar

JÁ CURTIU?

Deixe uma resposta

Or